Seu Navegador não tem suporte a esse JavaScript!
 
  • Julio Cesar Santos  - PSD
  • Vereadores
    LEGISLATURA 2017/2020
    Presidente Atual
    Julio Cesar Santos
História do Município

Histórico do Município de Ouroeste S.P

Foi aproximadamente em 1948 que se deu à formação do povoado de Ouroeste. Atraídos pela fertilidade do solo e pela localização, foram chegando os primeiros moradores, desbravando os sertões da região.
Ergueram-se as primeiras casas de pau-a-pique, iniciou-se o período de colonização com as plantações e a criação de animais.

Com o tempo, formou-se um vilarejo; logo veio a primeira casa comercial. Com isso, surgiram os primeiros comerciantes, que buscavam atender as pessoas que lá estavam morando.
A fundação da vila foi oficialmente em 27 de janeiro de 1952 pelo agropecuarista
Sr. João Zeferino Ferreira Velloso, e ganhou o nome por seu fundador, devido sua localização geográfica, a noroeste do Estado e por causa da terra fértil - “terra que valia ouro”, terras por ele doadas.
Nesta data foi celebrada a primeira missa, e erguido o cruzeiro onde hoje está localizada a Igreja da Matriz.
Com o passar do tempo, novos moradores começaram a surgir e a vila foi crescendo e chamando a atenção pela sua produção. Com isso
passou a ser povoado, fazendo parte do então município de Guarani D’Oeste, em 1º de janeiro de 1959.

Em 1960 foi eleito o primeiro prefeito de Guarani D’Oeste, Antônio Hernandes (in memória), município que Ouroeste passou a pertencer desde então.

Devido o seu desenvolvimento, Ouroeste ganhou projeção, e com isso passou a ser superior a sede do município.

Com a implantação e construção da Usina Água Vermelha (iniciada em 1974), localizada em suas terras, muitas famílias de outras localidades foram chegando e se instalando em Ouroeste, onde a CESP construiu várias casas, transformando em núcleo residencial., para alojar os trabalhadores que estavam na construção da Usina Hidrelétrica de Água Vermelha. Junto foi construída pista de aeroporto, o hotel, e isto contribuiu muito e acelerou o processo de crescimento e desenvolvimento de Ouroeste.

Em 1968, o colégio eleitoral de Ouroeste cresce e supera o da sede, e o povoado de Ouroeste foi marcado por sucessivos desenvolvimentos tornando maior do que a própria sede do município de Guarani D’Oeste.

Em 1990, precisamente no dia 16 de outubro, Ouroeste foi levado a categoria de Distrito pela Lei Municipal nº 398; e não parou por aí. Contando com várias lojas, supermercados, agências bancarias e principalmente com força política, pois os governantes dos municípios de Guarani D’Oeste eram sempre de Ouroeste, então começou um processo de emancipação política.
O autor do projeto de lei que elevou Ouroeste a categoria de distrito, que na época era vereador, foi o ex prefeito Edvaldo Fraga da Silva. 

Então, através de um plebiscito, a população votou pela emancipação. Foi aí que, em 27 de dezembro de 1995, através da Lei Estadual nº 9330/95, o ex- Governador Mário Covas  sanciona a Lei criando o Município de Ouroeste, baseado na lei que impedia o distrito de ser maior que a sede, que na época Ouroeste, até então distrito, possuía 5 mil habitantes e o município sede, Guarani D’ Oeste 2 mil habitantes.

A partir de então, Ouroeste tornou-se município e já tem seu próprio governo desde 1997.

O primeiro prefeito do Município de Ouroeste, foi empossado em 1 de janeiro de 1997, o Sr. Nelson Pinhel e o Vice-Prefeito Sebastião Geraldo da Silva.

 

Dados Gerais do Município de Ouroeste

Fundador: João Zeferino Ferreira Velloso
Data da Fundação: 27 de Janeiro de 1952
Data do Aniversário: 27 de Dezembro de 1995
Origem do Nome: Por causa da terra fértil - “terra que valia ouro”,  e devido sua localização geográfica, a noroeste do Estado. 

Dados do Censo de 2010: 
População Total: 8.406 Habitantes, 

População Urbana: 7.547   
População Rural: 859

Homens: 4.191 
Mulheres: 4.215 

Eleitores: 5.250 

Geografia: 
Latitude- 565  20º00’03’’
Longitude- 788  50º22’21’’
Altitude- 501

Hidrográfica- Turvo Grande- Microbacia do Córrego do Galo
Greenwich- 50º 12’30
Coordenadas UTM- 22k- 0565644 / UTM- 7788267  
Área do Município: Urbana: 6. 142 Km2 / Rural: 282 Km2 / Total: 288.142 Km2

Rios: Rio Grande- Divisa com o Estado de Minas Gerais
Topografia: Não acidentada
Clima: Tropical
Limites: Municípios limítrofes- Indiaporã, Populina, Turmalina e Guarani D’Oeste
Distância da Capital: 620 Km
Atividades Econômica: Produção Mista- Lavoura e Pecuária